Mulheres na ciência e na tecnologia

Eurostat

Em 2017, dos quase 18 milhões de cientistas e engenheiros da UE, 59% eram homens e 41% mulheres.

Os homens estavam particularmente super-representados na fabricação de alta e média-alta tecnologia:
- 83% dos cientistas e engenheiros dessa indústria eram do sexo masculino

Enquanto que a relação de género no setor de serviços era mais equilibrada:
- 55% masculina e 45% feminina


De referir que Portugal faz parte do grupo dos cinco Estados-Membros da UE, em que a maioria dos cientistas e engenheiros eram mulheres:
- Lituânia, 57% do sexo feminino;
- Bulgária e Letónia, ambos com 53%;
- Portugal com 51%;
- Dinamarca, pouco mais de 50%



13/02/2019

Fonte:EUROSTAT

Partilhar:

Usamos cookies para melhorar a navegação dos nossos visitantes. Ao fechar esta mensagem aceita a nossa política de privacidade

fechar