Novo estudo: “É importante estar sempre contactável?“

GfK

Estar sempre contactável é uma preocupação para 44% dos portugueses, de acordo com estudo global da GfK em 23 países.

De acordo com o estudo global da GfK "Importância de estar sempre contactável", realizado em 23 países:
•Portugal situa-se ligeiramente acima da média global no que diz respeito à importância de estar sempre contactável: Média de Portugal a situar-se nos 44 % versus 42 % da média global.
•A Rússia e a China são os países onde a população está mais contactável (56 %), seguidos pela Turquia (53 %).
•Por sua vez, a Alemanha, Suécia, Canadá e Países Baixos – contrariam esta tendência, com os seus consumidores a não estarem preocupados em estar sempre contactáveis.

Faixa etária dos 30-39 anos assume importância de “Estar Sempre Contactável”

Analisando os diferentes grupos etários, verifica-se que os inquiridos da faixa dos trinta anos revelam dar uma maior importância a “Estar Sempre Contactável” (47 %). Seguem-se os jovens adultos com 20-29 anos (45 %), os adolescentes com 15-19 anos (43 %), e a faixa etária dos 40-49 anos (42 %). No final da tabela estão as pessoas com idade compreendida entre os 50 e os 59 anos (33 %) e as pessoas com mais de 60 anos (29 %).

"Estar Sempre Contactável" é ligeiramente superior entre as mulheres

No que diz respeito às diferenças entre sexos verifica-se que as mulheres (43 %) são mais propensas que os homens (40 %) a quererem “Estar Sempre Contactáveis”.

11/07/2016

Fonte:GfK

Partilhar:

Usamos cookies para melhorar a navegação dos nossos visitantes. Ao fechar esta mensagem aceita a nossa política de privacidade

fechar