Startups europeias já têm uma rede para lhes dar voz em Bruxelas

Objetivo: harmonizar o ecossistema de empreendedorismo.

A Rede Europeia de Startups (ESN) foi lançada esta quarta-feira em Bruxelas. Fundada por 16 associações sem fins lucrativos e independentes da Europa, onde se inclui a portuguesa Beta-i – Associação para a Promoção do Empreendedorismo, a ESN quer harmonizar e dar voz ao ecossistema europeu de startups, tendo em conta questões como a cultura empresarial, acesso aos mercados e enquadramento legal.
...
O plano de ação da ESN já está desenhado e assenta em três pilares. O primeiro é a investigação científica, para contribuir para a transparência e tomada de decisões com base em factos. O segundo é o apoio à internacionalização das startups, através de um programa de “aterragem controlada”, que permita que as empresas consigam penetrar em mercados estrangeiros com mais facilidade. O terceiro é ajudar a construir e fortalecer os ecossistemas nacionais.

Notícia no Observador

08/09/2016

Fonte:Observador

Partilhar:

Usamos cookies para melhorar a navegação dos nossos visitantes. Ao fechar esta mensagem aceita a nossa política de privacidade

fechar