Places4All

Turismo: Sistema de Classificação de Acessibilidade

Hugo Vilela e Luís Silva criaram sistema inovador para classificar locais amigos dos deficientes, idosos e suas famílias.

O turismo europeu perde 142 mil milhões de euros por ano – quase 400 milhões por dia – devido à falta de acessibilidades, revela um estudo recente da Universidade de Surrey, no Reino Unido. Se todos os destinos europeus fossem acessíveis, seriam ainda criados 3,4 milhões de empregos no setor. Hugo Vilela e Luís Filipe Silva, dois jovens empreendedores do Porto, criaram a Places4All para tornar Portugal acessível e mudar mentalidades.


Places4All é um Sistema de Classificação de Acessibilidade Universal em lugares e que visa a recolha, classificação e difusão de informação detalhada das condições de acessibilidade para tomada de decisão e que garantem o maior grau de autonomia, segurança e conforto ao maior número de pessoas possível.

Quais as vantagens de aderir?
- Ser reconhecido como um espaço de referência em acessibilidades na cidade
- Divulgação do espaço na plataforma, redes sociais, municípios, associações, parceiros e guias turísticos.
- Avaliação detalhada com sugestões de melhoria ao espaço

14/11/2016

Fonte:Dinheiro Vivo

Partilhar:

Usamos cookies para melhorar a navegação dos nossos visitantes. Ao fechar esta mensagem aceita a nossa política de privacidade

fechar